SEJA BEM VINDO!!! AGRADECEMOS SUA VISITA!!! SARAVÁ!!!



Primado de Umbanda

Organização Federativa Nacional

Escola Iniciática

Pelo Progresso e Difusão da Umbanda

SEDE NACIONAL

Rua Espírito Santo, 215, Praça Seca - Jacarepaguá

Rio de Janeiro - RJ. Brasil

CEP - 21.320-090

Telefone: (0xx21) 30877375 ou 32177375

Fax: (0xx21) 32177375 - Cel - 94657348

e-mail - primado.umbanda@ig.com.

 


CABOCLO MIRIM

"Umbanda é coisa séria para gente séria ou que pretende ser séria"

55 Anos de Serviços à Umbanda

 


Nosso Primaz e Presidente Srº José Ricardo Ribeiro e a sua esposa aVice-Primaz e Vice-Presidente Srª Darlene G. Ribeiro


Apresentação

A fundação do Primado de Umbanda ocorreu na Cidade do Rio de Janeiro - Brasil onde tem sede, em 05 de outubro de 1952, como uma Organização Federativa Nacional de caráter religioso e iniciático, sem fins lucrativos, tendo por finalidade estimular o estudo da religião de Umbanda e a difusão e defesa dos seus reais ensinamentos, dar formação sacerdotal e iniciática aos Comandantes Chefes de Terreiro das Instituições Federadas e Simpatizantes do Primado de Umbanda, bem como, divulgar estudos e pesquisas atinentes a Tradição Umbandista.

O Primado de Umbanda foi ideado pelo Caboclo Mirim e posto em prática pelo seu aparelho o saudoso médium C.C.T Srº Benjamim Figueiredo, o maior propagador e defensor da Umbanda no Brasil, que introduziu pela primeira vez a Escola de Formação Iniciática do 1º ao 7º Grau, usando a terminologia da lingua Nheêngatú da nossa Raça Raiz a Raça Tupy para identificar os respectivos graus de evolução espiritual, resgatando assim através da Escola do Primado de Umbanda os fundamentos esotéricos da Grande Lei de Umbanda. Foi o nosso grande Mestre Beijamim Figueiredo o fundador da Tenda Espírita Mirim, e de suas mais de 50 Filias, o maior e mais importante acontecimento até o momento, para o aprimoramento, crescimento e evolução da Umbanda no Brasil. A eficácia da Escola do Primado de Umbanda se traduz na solidez das Tendas e Terreiros que adotaram sua doutrina, pois muitas dessas Tendas já estão na terceira geração de comando e contam os seus 40, 60 e 70 anos de existência.

Objetivos

O Primado de Umbanda visa congregar em seu seio as Instituições Umbandistas do Brasil, com vistas ao fortalecimento da Umbanda e a maior união e entendimento entre seus responsáveis e adeptos, procurando estabelecer, o quanto possível maior uniformidade nos trabalhos espirituais e práticas do ritual, através de normas e instruções que são divulgadas pelo seu órgão oficial, bem como através de publicações editadas periódicamente(livros, jornais e revistas), realização de curso de formação sacerdotal, palestras e ainda através das giras de confraternização que são realizadas anualmente de acordo com o calendário anual da Instituição.

O Primado de Umbanda ainda dentro do seu programa de atuação presta vários serviços as Instituições Umbandistas independentes de serem ou não federadas, como assistência jurídica, fiscal, administrativa e organizacional através de seus departamentos competentes.

O Primado de Umbanda é uma organização dinâmica e atuante não só no movimento Umbandista, mas também presente nos movimentos sociais de ajuda humanitária e social e em defesa da ecologia e do meio ambiente, pois a Umbanda tem como Santuário Maior o Homem e a Natureza.

Nessa trajetória é que o Primado de Umbanda através de sua Diretoria está sempre desenvolvendo e participando em conjunto de atividades religiosas, ecumênicas, educacionais e sociais que possam de alguma forma contribuir para o fortalecimento da célula familiar, estimular o sentimento de cidadania, viabilizando a conseqüente melhoria de vida de nosso Planeta.


RELIGIÃO DE UMBANDA

PERSONALIDADES DE MAIOR IMPORTÂNCIA E VALOR HISTÓRICO PARA A UMBANDA.


Zélio de Moraes


Benjamim Figueiredo

São esses dois grandes médiuns as maiores personalidades da Umbanda no Brasil, pelos seus grandes feitos até hoje não igualados por nenhum filho de Umbanda. O médiun Zélio de Moraes é reconhecido por toda a comunidade umbandista como o marco inicial da Religião de Umbanda no Brasil e o médium Benjamim Figueiredo que tendo sido iniciado por Zélio de Moraes, tornou-se a segunda maior personalidade da Umbanda, por ter expandido a Religião de Umbanda em todo o Brasil

 

O QUE É UMBANDA

A UMBANDA é uma religião que surgiu em todo o território brasileiro de forma sincrônica no final do século XIX, através da incorporação mediúnica de Entidades Espirituais que se identificaram como Caboclos.

O movimento Umbandista oficializou-se em 15 de novembro de 1908, através do médium Zélio Fernandino de Moraes, com a manifestação do Caboclo das Sete Encruzilhadas, em Niterói no bairro de Neves, Rio de Janeiro, que vem a ser o berço histórico do surgimento da Umbanda. No decorrer dos anos de 1917 e 1918, o Caboclo das Sete Encruzilhadas fundou mais  sete Tendas, que funcionaram como núcleos de propagação da Umbanda, formados pelas seguintes Tendas:

1.      Tenda Nossa Senhora da Piedade - (Oficialmente a primeira Tenda de Umbanda fundada no Brasil)

2.      Tenda Nossa Senhora da Conceição

3.      Tenda Santa Bárbara

4.      Tenda São Pedro

5.      Tenda Oxalá

6.      Tenda São Jorge

7.      Tenda São Jerônimo

No decorrer do tempo, muitas outras Tendas foram surgindo no Rio de Janeiro e em outros Estados, expandindo o Movimento Umbandista.

A religião de Umbanda é a mesma em qualquer lugar do Brasil ou do Mundo, onde venha a existir, não tendo vários tipos de Umbanda,  pois ela sempre se apresenta através da tríade da manifestação de Tupã, representada na prática da vida pelas formas de irradiações espirituais denominadas Caboclos, Pretos Velhos e Crianças. Estas formas de manifestações Espirituais ocorrem em qualquer parte do mundo, nas Tendas ou Templos de Umbanda.

A Umbanda é o conjunto de Leis que rege a vida e o equilíbrio do Universo, pregando o amor, a fraternidade e a caridade. É uma síntese expressiva de amor, sabedoria, respeito, tolerância e renuncia, conforme os ensinamentos dos mentores espirituais da Lei de Umbanda. Como religião ou como ciência, a Umbanda só reconhece uma hierarquia: a da evolução de cada Espírito nos diversos planos da criação e a vibratória estabelecida pelo merecimento de cada um.

A palavra Umbanda é um vocábulo sagrado oriundo da língua Abanheenga, que era falada pela Raça Tronco Tupy, este termo não foi trazido da África pelos escravos que foram introduzidos no Brasil por volta de 1549. Vamos encontrar registros da utilização da palavra Umbanda apenas depois de 1908, entre os adeptos dessa nova forma de religiosidade. Antes disto, somente alguns radicais eram conhecidos na Ásia e África como a palavra mantra AUM dos Vedas.

A palavra UMBANDA, que na sua forma original é AUM-BAN-DAN (conforme tese apresentada no 1º Congresso de Umbanda realizado no Rio de Janeiro em 1941 pelo Srº. Benjamim Fegueiredo), tem o seguinte significado:

AUM – À Divindade Suprema

BAN – Conjunto ou Sistema

DAN – Regra ou Lei

Em sua total expressão significa “O CONJUNTO DAS LEIS DIVINAS”.

 

TEMPLOS DE UMBANDA

 

A Umbanda é praticada no interior de seus Templos, pelos seus adeptos, que usam uniformes simples de cor branca em todos os seus atos litúrgicos e cerimoniais, utilizando o Tambor para acompanhar os cânticos denominados de curimbas.

Na Umbanda Deus é único e absoluto, de infinita bondade e misericórdia denominado TUPÃ e seus enviados para auxiliar os homens na Terra são Seres Espirituais chamados de Orixás. Esses Orixás são as Entidades Espirituais que comandam as falanges de Caboclos, Pretos Velhos e Crianças, que incorporam em seus médiuns nas sessões de caridade para atender aqueles que vão aos terreiros em busca de um auxílio espiritual para os seus males.

A Umbanda não faz uso de sacrifícios de animais em seus rituais, porque respeita a vida e a natureza.

Na Umbanda cada mês do ano é consagrado a um Orixá e nos Templos esses Orixás são homenageados em rituais sagrados denominados de Giras Festivas.

 

GIRA FESTIVA EM HOMENAGEM AO ORIXÁ YOFÁ,

PRETOS VELHOS REALIZADA NO MÊS DE MAIO NA SEDE DA ORGANIZAÇÃO RJ.

 

As práticas ritualísticas de Umbanda pregam sempre a caridade ao próximo, estimulam os ensinamentos éticos, morais e religiosos, contribuindo assim para a elevação moral e espiritual dos seus adeptos e freqüentadores. Alguns de seus Rituais Sagrados são o Batismo da Fé, a Confirmação de Médium, a Ordenação de Sacerdotes, Ritual de Confraternização e o Casamento.

 

Consagração de Comandante Chefe de Terreiro – C.C.T.

Cabeça de Morubixaba

 

 

Cerimônia de Casamento


Gira de Confraternização em SP.

 

Gira de Confraternização na sede da Organização RJ.

 

Gira de Confraternização realizada no Maracanazinho – RJ. pelo Primado de Umbanda

em comemoração do 4º centenário da Cidade do Rio de Janeiro.

 

Mesa de Oferendas

Mesa de Oferendas

 

Entrada da sede do Primado de Umbanda no RJ.

 

A Umbanda é a Escola dos simples, aonde aprendemos o valor da natureza espiritual e divina do Universo e dos homens e assim cantamos essa curimba em louvor a Oxalá:

 

Saravá Oxalá!

Meu Pai quando você nasceu,

Você mostrou a igualdade.

Meu Pai quando você cresceu,

Andou pregando a caridade

E hoje já raiou a liberdade,

Você mandou chuva que pinga,

Pinga no terreiro e amansou a humanidade.